Nova tiragem de 'As consequências da modernidade', de Anthony Giddens

Notícia
Notícias
sexta-feira, 23 de junho de 2017

O que é modernidade?... um estilo de vida ou uma organização social que emergiram na Europa a partir do século XVII. Isso associa a modernidade a um período de tempo e a uma localização geográfica inicial, mas deixa ocultas suas principais características e consequências. Desnudar esses traços e alcançar um retrato mais frutífero de "modernidade" é a tarefa de Anthony Giddens, em As consequências da Modernidade, obra que acaba de ser reimpressa. 

Neste trabalho de características teóricas rigorosas e inovadoras, o autor nos oferece uma nova e provocativa interpretação das transformações sociais associadas à modernidade. Argumenta que ainda não vivemos em um mundo pós-moderno. Os aspectos que distinguem as instituições expressam na verdade a emergência do período a que chama "alta-modernidade". É possível que o universo pós-moderno já esteja a caminho. Mas os seus traços distintivos ainda não e revelaram claramente. Em sua competente e profunda análise, Anthony Giddens coloca em jogo um conjunto de categorias como segurança, perigo, confiança e risco, para definir os complexos mecanismos que separamo moderno do pré-moderno, e com o auxílio dos conceitos de desencaixe e tempo e espaço procura compreender a própria modernidade. As duas reflexões envolvem o social, o interpessoal, o institucional e vão até as crianças intelectuais mais refinadas. Daí o seu interesse para estudiosos tanto de sociologia, antropologia, filosofia, história quanto de literatura.  

Assessoria de Imprensa da Fundação Editora da Unesp