Portal Concertino destaca "A gazeta musical", de Clarissa Lapolla Bomfim

Imprensa
Imprensa
sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

A gazeta musical: Positivismo e missão civilizadora nos primeiros anos da República do Brasil 

Proclamada a República, a elite artística e intelectual do país identificada com o positivismo de Comte propõe-se renovar a música brasileira. E, na empreitada cívica que almejava a formação de uma música nacional autêntica, vai buscar inspiração na França do pós-guerra com a Prússia (1870), ao mesmo tempo em que procura distanciar a prática musical erudita da popular. As novas ideias ficaram registradas na revista Gazeta Musical, objeto de estudo desta obra.

O periódico, que circulou entre agosto de 1891 e dezembro de 1892, tinha importância estratégica para o movimento, pois a imprensa já se tornara influente no fim do século 19 e, ao lado da educação, era fundamental para forjar identidades culturais e políticas. 

Dedicada exclusivamente à musica, a revista tinha como finalidade 'educar e melhorar o gosto musical do povo brasileiro'. De suas páginas transborda a ideologia subjacente de seus principais colaboradores, que protagonizaram um dos episódios mais marcantes da ainda atual contenda entre erudito e popular, civilizado e primitivo, arte e entretenimento. 

A autora propõe uma reflexão, a partir dos textos do periódico, sobre o que tem sido delimitado como música erudita e popular e lembra que o intercâmbio entre os dois universos será frequente já no período monárquico, quando era visto com ressalvas nos meios culturais.

Texto publicado no portal Concertino, em 04 de fevereiro de 2016. Clique aqui e confira. 

Assessoria de imprensa da Fundação Editora da Unesp