Clássicos do Catálogo | A escola dos Annales, de Peter Burke

Notícia
Notícias
quarta-feira, 15 de julho de 2020

Na semana em que a Queda da Bastilha completa 231 anos, a seção Clássicos do Catálogo desta semana destaca a obra de Peter Burke: A escola dos Annales (1929-1989) – 2ª edição: A Revolução Francesa da historiografia

Neste livro, Peter Burke reconstrói criticamente o movimento intelectual associado à revista francesa Annales. Em linguagem ao mesmo tempo direta e rigorosa, o autor distingue as três principais gerações de historiadores que deram perfil e consistência a esta que é considerada a mais importante força de propulsão da chamada “História Nova” – a de Lucien Febvre e Marc Bloch, a de Fernand Braudel e a de Duby, Le Goff e Le Roy Ladurie –, responsável por uma “revolução” na historiografia. Lançado simultaneamente na Inglaterra e no Brasil, A escola dos Annales preenche uma lacuna em nossa bibliografia histórica, fornecendo ao leitor e ao especialista um material de raro valor e utilidade.

O autor, Peter Burke, é historiador inglês, professor da Universidade de Cambridge. Especializado em história cultural, considera o ato de escrever a história como um gênero literário autônomo -assim como a épica, a lírica e a dramática. 

O portal Leitura ObrigaHISTÓRIA publicou uma resenha sobre o título, em 2018, que pode ser acessada aqui.

Frases e pensamentos de Peter Burke:

"A função do historiador é lembrar a sociedade daquilo que ela quer esquecer".

"Você não sabe mais que seus ancestrais".

Confira mais dicas de leitura em nosso Instagram @unespeditora.  

Assessoria de Imprensa da Fundação Editora da Unesp
imprensa.editora@unesp.br